O que é e como criar um código SKU?


O que é e como criar SKU

Conforme dissemos no post sobre a importância de cadastrar um EAN válido, os vendedores de marketplaces cada vez mais estão ficando familiarizados com algumas siglas que auxiliam na gestão de produtos e pedidos. Uma dessas siglas é o SKU.

SKU é a sigla para Stock Keeping Unit, algo que pode ser traduzido como “Unidade de Controle de Estoque”. Ele nada mais é que um código de identificação única para seus produtos, só que deve ser criado e gerenciado por você mesmo.

Imagine que você venda uma bicicleta. Essa bicicleta pode ser vendida em várias cores e tamanhos, e cada variação deste produto tem que ter um SKU.

Por que é importante ter SKU?

O principal motivo é ter mais controle sobre seu estoque pois, mesmo vendendo em um único marketplace, você provavelmente cria vários anúncios para um mesmo produto.

Ele funciona como um ID para esse produto, então você pode ter vários anúncios com o mesmo SKU.

Agora imagine que você venda em vários marketplaces. Esse problema fica ainda mais latente. Somente através do SKU você conseguirá manter a organização dos seus produtos.

Existem outros benefícios em organizar seus produtos por SKU:

  • Simplifica a comunicação interna
  • Facilita a leitura humana

Técnicas para criar um anúncio Campeão de Vendas em Marketplaces

Cuidados ao criar um SKU

Evite caracteres como ”-“, ”/“ e outros caracteres especiais. Eles podem causar um problema, pois alguns marketplaces não aceitam caracteres especiais no SKU ou geram um erro de validação posteriormente.

Não crie apenas códigos sequenciais, por exemplo: SKU1, SKU2, SKU3 e assim por diante.

Como criar o SKU?

O primeiro passo é definir qual informação é relevante para colocar em seu código, como por exemplo: fabricanteprodutomodelocódigoendereçamento de estoque, etc.

Imagine que está vendendo um Samsung Galaxy S8 Preto. Seu SKU poderia ser:

CEL – de celular
S – do fabricante Samsung
S8 – do modelo do aparelho
P – indicando a cor
128 – indicando a capacidade de memória

Nesse modelo, seu SKU ficaria assim: CELSS8P128

Claro, esse é apenas um exemplo, mas importante é que você crie um padrão que seja fácil para todos entenderem e identificarem facilmente a qual produto pertence esse SKU.

Eu vejo diariamente vendedores ignorando tanto o EAN, quanto o SKU. Também vejo alguns poucos vendedores inserindo essas informações e se destacando.

Você já utiliza SKU em seus produtos? Segue algum padrão para criá-los? Tem alguma dica extra que funcione bem para você e que queira compartilhar conosco? Comente abaixo.

Procurando Informação? Conheça a Venda.la!

Como Vender e Vencer na B2W
FECHAR

+ Sem comentários

Comente