Seja um vendedor na Amazon Marketplace


Como vender na Amazon

Com mais de 20 anos de experiência em e-commerce e uma das líderes do mercado ao lado do Walmart, a Amazon vem crescendo no mercado brasileiro e, desde que começou a vender outras linhas de produto além de livraria, aumentou o número de vendedores que querem fazer parte de seu marketplace.

Para ser vendedor na Amazon você primeiro precisa identificar as categorias de seus produtos. Atualmente existem 16 categorias disponíveis que você pode verificar acessando este link. A Amazon limita a categorização dos produtos para para que os vendedores se enquadrem aos padrões de qualidade da empresa, garantindo sempre uma boa experiência aos clientes finais.

Na Amazon é possível vender como pessoa física, com seu CPF, e como pessoa jurídica, com seu CNPJ. Para isso, existem dois planos de venda:

  • Plano individual: recomendado para quem pretende realizar no máximo 10 vendas por mês. Serão pagos somente R$ 2,00 por produto vendido e a comissão sobre cada transação, lembrando que os usuários deste plano não tem acesso a algumas funcionalidades do site;
  • Plano profissional: recomendado a quem pretende vender mais de 10 unidades por mês. Será paga uma taxa mensal de R$ 19,00 e a comissão por cada transação. Não existem nenhuma taxa fixa por venda e os usuários ganham recursos extras na plataforma, como vender para milhares de clientes, auxílio da Amazon para aumentar as vendas, autonomia para a definição de taxas de envio, controle dos preços dos produtos de forma automática, adicionar novos produtos sempre que quiser, dentre outros.

Para se cadastrar você precisa informar seu nome completo, endereço, email e telefone. Também é necessário informar o CPF, se o cadastro for realizado como pessoa física, ou o CNPJ, caso o cadastro for realizado como pessoa jurídica. Você também precisa ter uma conta bancária com o mesmo CPF ou CNPJ utilizado no cadastro, para que seja possível receber o repasse de suas vendas. Por fim, precisa de um cartão de crédito que seja válido em território internacional, seja MasterCard, Visa ou Diners, utilizado para a validação da conta e também utilizado para a cobrança das taxas de venda, caso a sua conta da Amazon não tenha saldo. Feito o cadastro, você poderá começar a utilizar a Seller Central, onde você tem o controle de sua conta e pode cadastrar produtos, ter contato com o comprador, etc.

Para cadastrar produtos, é possível adicionar um por vez ou também pode adicionar como arquivos de inventário, que dá para adicionar vários produtos de uma vez, porém só está disponível para quem tem o plano profissional. Caso algum produto informado já esteja disponível na Amazon do Brasil, basta apenas informar o preço, estoque e formas de envio, mas em outros casos, é necessário fornecer o código de barras, SKU (inserir texto do SKU) e toda a descrição completa.

Quando você tem uma venda aprovada, você pode gerenciar o pedido dentro da Seller Central. Além disso, os usuários do plano profissional também poderão baixar um arquivo com o relatório de pedidos e acompanhar todas as transações.

O repasse das vendas é feito quinzenalmente, direto na conta bancária informada no cadastro. Um ponto positivo para a Amazon é que o valor das vendas parceladas são repassados a vista sem nenhum custo.

Se você é adepto aos marketplaces, não pode ficar de fora da Amazon. Por ser uma empresa mundialmente conhecida, sua visibilidade cresce junto com a Amazon.

Quem ainda não vende na Amazon está realmente perdendo a oportunidade de aumentar suas vendas. Nós, da Venda.la, fazemos a integração para a Amazon e outros marketplaces como Mercado Livre, Americanas, Submarino, Shoptime, Via Varejo / CNOVA, Magazine Luiza, Walmart, dentre outros.

Se você ficou interessado em começar a vender na Amazon e quer contar com o apoio da Venda.la, consulte um de nossos especialistas pelos telefones (16) 3961-1989 e (11) 2626-5215, ou pelo no WhatsApp (16) 99798-7946 e veja em tudo que a Venda.la irá te auxiliar. Se preferir, preencha seus dados e entraremos em contato.

Preencha os dados


+ Sem comentários

Comente